COB anuncia cancelamento dos Jogos Escolares da Juventude 2020 (Wander Robero/COB)

COB cancela edição dos Jogos Escolares 2020

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) anunciou oficialmente nesta quarta-feira (24/6) o cancelamento dos Jogos Escolares da Juventude 2020. Depois de se reunir com cada representante de Confederação e saber a real situação de cada modalidade foi decidida por unanimidade a não realização dos Jogos. Sérgio Oliveira, vice-presidente da Confederação Brasileira de Wrestling, e responsável pela organização dos Jogos  e representante da CBW na reunião do COB com as Confederações, lamentou a decisão, mas concorda que diante do cenário de incerteza causada pela pandemia da COVID-19, o cancelamento era a única alternativa para preservar a integridade dos atletas e de todas as pessoas envolvidas.

“Diante deste cenário de incertezas e dúvidas sobre a pandemia, a decisão do cancelamento foi acertada. O COB realizou reuniões, ouviu a ponderação de cada Confederação e diante dos riscos causados pelo translado, impacto na realização de seletivas e da preocupação dos responsáveis com seus filhos, foi decidido em conjunto que era o melhor a ser feito. Acredito que só com uma vacina, como a Organização Mundial de Saúde recomenda, que competições com este número de atletas e com poucos dias de duração possam ser realizados”, afirmou Sérgio, lembrando que os Jogos Escolares reúnem 5 mil atletas de todas as regiões dos país.

O wrestling está presente nos Jogos Escolares desde 2012 e até edição do ano passado, apenas o estilo livre era disputado. A partir da edição 2019, o estilo greco-romano também passou a fazer parte do evento e estreou com muito sucesso. Como os custos de hospedagem e viagem ficam a cargo da organização do evento, os estados conseguem participar com uma equipe grande e permite que a CBW avalie o desenvolvimento das categorias de base em cada estado. Uma das principais perdas para o wrestling nacional com o cancelamento dos Jogos.

“Por causa da falta recursos alguns estados não conseguem enviar uma equipe completa aos campeonatos nacionais da faixa etária dos Jogos Escolares (12 e 14 e 15 a 17). Nos Jogos Escolares, os estados conseguem mandar um bom número de atletas e é possível ver de um ano para outro a evolução de cada atleta. Em 2019, o coordenador de seleções Flavio Cabral da CBW e o treinador-chefe da equipe nacional Angel Torres acompanharam a competição em loco e puderam ver os talentos que surgiram. Vamos ter uma lacuna de um ano nesta mensuração”, frisou Sérgio.

Outra preocupação é com as bolsas estaduais que os atletas desta faixa etária costumam a receber de acordo com as colocações nos Jogos Escolares. Alguns estados já tiveram o corte de bolsas governamentias para atletas anunciado, como Amazonas, por exemplo, e, sem o torneio, lutaores que viriam a receber o auxílio ano que vem também devem ficar de fora.

“Temos estados como Amapá e Rio Grande do Norte com uma evolução no trabalho de base. Goiás conquistou a medalha de ouro no estilo greco-romano, no ano passado, só para citar alguns exemplos. No Paraná, estado em que vivo os atletas recebem uma bolsa governamental e esse ano ficarão sem. Mas nesse momento é preciso pensar na saúde e na vida dos atletas”, concluiu Sérgio.

 Confira os motivos para o cancelamento dos Jogos Escolares da Juventude 2020

 

– Risco de contágio em ambiente sem controle direto do COB e Confederações (ex.: transporte – aéreo e terrestre – até a cidade-sede, hotéis, centros comerciais, etc.);

– Diferença entre as situações de cada Estado em relação à pandemia e o impacto na isonomia da competição;

– Incerteza da data de retorno do calendário escolar presencial que pode comprometer o processo seletivo;

– Possibilidade de os pais não autorizarem as viagens dos alunos/atletas;

– Eventual conflito com o calendário nacional das modalidades em função da possibilidade de concentração de muito eventos no último trimestre do ano.

 

 

 

 

 

 

Redes Sociais

  • A Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem ABCD promove neste
  • Em casa com a CBW retorna com o coordenador de
  • Em casa com a CBW traz Daniel Alvarez piratievoficial e
  • No TBT da CBW desta quinta 1  No estilo
  • No Em casa com a CBW Flavio Cabral nevesflaviocabral convida
  • Em casa com a CBW chega a terceira semana O

Newsletter

Cadastre-se e receba nossas novidades: