Critérios - Seletiva JOJ 2018 - CBW

CRITÉRIOS PARA FORMAÇÃO DA EQUIPE PARA A SELETIVA DOS JOGOS OLÍMPICOS DA JUVENTUDE BUENOS AIRES 2018

Art. 1º – Da competição

  • 1 – O presente regulamento visa disciplinar, fixar diretrizes, e estabelecer normas para a Seletiva Nacional para os Jogos Olímpicos da Juventude 2018 –Buenos Aires e eventos preparatórios.

 

Art. 2º – Dos objetivos

  • 1 – Formar a equipe principal de Luta Olímpica nos Estilos Livre, Greco Romana e Luta Feminina, para representar a Confederação Brasileira de Lutas Associadas e o Brasil, na seletiva para os Jogos Olímpicos da Juventude. E demais competições preparatórias.
  • 2 – Promover um ranking entre os atletas filiados à CBLA, nascidos entre 01 de janeiro de 2001 e 31 de dezembro de 2003.
  • 3 – Incentivar, difundir e aprimorar a prática da Luta Olímpica em seus estilos, contribuindo para a melhora do nível técnico da modalidade.

 

Art. 3º – Dos participantes

  • 1 – Participarão dos eventos seletivos atletas nascidos entre 01 de janeiro de 2001 e 31 de dezembro de 2003.
  • 2 – Durante as competições os atletas deverão apresentar documento de identidade e CPF originais e cópia, atestado médico e o termo de autorização assinado pelos pais ou responsáveis. A Não apresentação dos documentos inviabiliza a participação do atleta no evento seletivo.
  • 3 – Para participarem dos torneios preparatórios , tais como Jogos Sul-americanos da Juventude e eliminatórias continentais, os atletas devem manter sua documentação correta, completa, entregue dentro dos prazos estipulados pela CBW e COB.
  • 4 – As categorias de peso são as seguintes:

I – Categorias de peso Estilo Livre masculino: 46kg, 54kg, 63kg, 76kg,100kg

II – Categorias de peso Estilo Greco- Romano: 38-42kg, 50kg, 58kg, 69kg, 85kg

III – Categorias de peso do Estilo livre feminino: 40kg, 46kg, 52kg, 60kg,70kg

 

Art. 4º – Das etapas do circuito

  • 1 – O Circuito Classificatório que visa formar a Seleção Principal para disputar a Seletiva dos Jogos Olímpicos da Juventude será constituído de até 10 etapas, as quais serão divididas em dois rankings.

I – As primeiras etapas serão realizadas no ano de 2016 que corresponderão ao ranking 2016. Na última etapa de 2016 será classificatória para o torneio preparatório (a decidir).

O vencedor da última etapa disputará a vaga de titular com o 1º do ranking da categoria em uma seletiva a parte que acontecerá ao término da competição. Em melhor de 3 lutas onde o primeiro do ranking para participar obrigatoriamente tem de participar da etapa e já inicia a disputa vencendo por um a zero.

Caso o primeiro do Ranking não compareça o campeão da última etapa estará classificado como Titular da sua categoria de peso.

II – As etapas seguintes corresponderão ranking 2017, a pontuação obtida em 2016 acumula para 2017.  O vencedor da última etapa disputará a vaga de titular com o 1º do ranking da categoria de peso em 2017, em melhor de 3 lutas onde o primeiro do ranking para participar obrigatoriamente tem de participar da etapa e já inicia a disputa vencendo por um a zero.

Caso o primeiro do Ranking não compareça o campeão da última etapa estará classificado como Titular da sua categoria de peso.

III – A última competição para formar a equipe que representará o Brasil na Seletiva Olímpica dos Jogos da Juventude será realizada no início de 2018. O vencedor desta etapa terá o direito de disputar a vaga com o Titular da categoria do ano de 2017 em uma disputa de melhor de três lutas. O Titular da categoria em 2017  começa a disputa com uma vitória sobre o seu adversário. O primeiro do ranking para participar desta seletiva obrigatoriamente tem de participar da etapa. Caso o campeão da última seletiva seja o campeão da categoria 2017, automaticamente estará classificado para disputar a seletiva continental para os Jogos Olímpicos da Juventude. Desde que toda documentação esteja correta, completa, entregue dentro dos prazos estipulados pela CBW e COB.

 

Artigo 5° – competições 2016

 1° Competição

Realizado no dia 1° de Abril de 2016

2° Competição

Realizado no dia 14 de Maio de 2016

3° Competição

Será realizado dia 18 de Novembro na Copa Natal/RN

Os atletas classificados na última etapa em cada categoria participarão no torneio preparatório definido pela Confederação, entre dias 10 e 20 de dezembro. Alertamos que o atleta deverá estar munido das AUTORIZAÇÕES e documentação necessárias para viagem internacional dentro da América do Sul.

 

Artigo 6° – Competições de 2017

1° Competição

Realizado no dia 11 de Março de 2017

2° Competição

Será realizado no dia 20 a 21 de Maio de 2017 *   **

3° Competição

Será realizado dia 28 de Outubro de 2017 *

* Datas a serem confirmadas.

** Os atletas classificados nesta etapa nas categorias definidas pelo Comitê Organizador e pelo COB,  participarão nos Jogos Sul-americanos da Juventude, em Outubro 2017. Alertamos que, para poder participar dos JSJ, o atleta deverá estar munido das AUTORIZAÇÕES e documentação necessárias para viagem internacional dentro da América do Sul e ter toda documentação completa entregue dentro dos prazos estipulados pelo COB (estar na lista larga em 7/4/2017).

 

Artigo 7° – Competição de 2018

Uma competição no primeiro trimestre de 2018 a ser definida

 

Artigo 8° – Inscrições

  • 1 – As inscrições para cada etapa do circuito devem ser feitas com antecedência (inscrição define-se por pagamento das taxas de participação, preenchimento das fichas, envio das copias dos documentos como constará nos convites).

Não serão aceitas inscrições fora do prazo.

 

Art. 9º – Do sistema de competição

O sistema de competição será definido no convite de cada etapa, em acordo com a organização de cada evento.

 

Art. 10º – Da pontuação das etapas da seletiva.

  • 1 – Serão computados os seguintes pontos para os classificados em cada etapa do circuito, desde que na mesma categoria e estilo:

 Campeão – 10 pontos

 Vice-Campeão – 07 pontos

Terceiro lugar – 05 pontos

 

Art. 11º – Da classificação do circuito

  • 1 – Será declarado o primeiro do ranking o atleta que somar mais pontos ao final das etapas do circuito do ano vigente.
  • 2 – A classificação dos atletas durante o ano de vigência ocorrerá após os resultados da última etapa.

 

Art. 12º – Da premiação

  • 1 – Em cada etapa os atletas classificados receberão diplomas/medalhas de participação.

 

Art. 13º – Da formação da equipe em 2016

  • 1– A equipe será formada pelo atleta primeiro do Ranking e campeão da última etapa (caso sejam o mesmo).
  • 2– Caso sejam atletas diferentes será realizado no mesmo dia uma seletiva em melhor de Três onde o primeiro do ranking participa já iniciando com o placar de uma vitória a zero.

 

Art. 14º – Da formação da equipe em 2017

  • 1– A equipe será formada pelo atleta primeiro do Ranking de 2017 e campeão da última etapa (caso sejam o mesmo).
  • 2– Caso sejam atletas diferentes será realizado no mesmo dia uma seletiva em melhor de Três onde o primeiro do ranking participa já iniciando com o placar de uma vitória a zero.

 

Art. 15º – Da classificação final do circuito para a seletiva continental.

  • 1– A equipe será formada pelo campeão da etapa de 2018, caso este também seja o primeiro do ranking 2017.
  • 2– Caso sejam atletas diferentes será realizado no mesmo dia uma seletiva em melhor de Três onde o primeiro do ranking de 2017 participa já iniciando com o placar de uma vitória a zero. Lembrando que este tem de ter participado desta etapa no mesmo peso e estilo ao qual se encontra no ranking de 2017.
  • 3– Estará classificado o Atleta que cumprir todos os requisitos estabelecidos na última etapa do circuito como consta anteriormente.

 

Art. 16 Composição da equipe técnica

  • 1– O treinador será indicado pela CBW.
  • 2 – A escolha do chefe de equipe será indicada pela CBW.

 

Art. 17 Considerações Gerais

  • 1– Casos eventuais e situações não previstas nas regras estabelecidas por este regulamento serão resolvidos por pessoa indicada pelo presidente da Confederação Brasileira de Lutas Associadas.

REGULAMENTO:

Regulamento Atualizado da Seletiva da Juventude

 

A CBW – Confederação Brasileira de Wrestling vem através deste documento informar sobre as atualizações necessárias ao regulamento da Seletiva da Juventude devido às alterações nas categorias de peso impostas pela UWW.

 

  • Um novo ranking sera formado em cada uma das novas categorias de peso.

 

  • Cada atleta mantem os pontos anteriormente acumulados independentemente da nova categoria que o atleta for lutar e da nova categoria escolhida.

 

  • Os pontos só valem para o mesmo estilo. Caso o atleta mude de estilo iniciará novamente suas pontuações.

 

  • O último torneio de 2017 definirá o líder do ranking 2017 que disputará a vaga nas eliminatórias continentais contra o campeão brasileiro Cadete 2018 (na mesma categoria de peso e estilo).

 

Obs1.

Por exemplo se o atleta tem 15 pontos na categoria 60Kg feminino e for lutar na nova categoria no peso 73Kg este atleta leva os 15 pontos.

 

Obs2.

Está será a ultima etapa de 2017. O campeão do peso fará disputa em melhor de 3 lutas com o primeiro do Ranking, onde o primeiro do Ranking já começa esta disputa com 1×0.

 

Obs3.

Os lideres do ranking 2017, que forem campeões brasileiros em 2018 no mesmo estilo e categoria de peso, estão diretamente classificados para a classificatória continental.

 

Obs4

Caso os lideres do ranking 2017, não sejam campeões brasileiros de 2018, estes têm o direito a fazer a melhor de 3, já iniciando o embate com 1 x 0.