Guilherme Porto representa Cuiabá e o Brasil nos Jogos Sul-americanos da Juventude 2017 (Ruiva Fight)

De olho na Juventude: Guilherme Porto

A série “De olho na Juventude” chega ao Mato Grosso, estado onde nasceu Guilherme Porto, mais um grequista que vai representar o Brasil nos Jogos Sul-americanos da Juventude 2017,em Santiago,Chile. Guilherme é natural de Rondonópolis e atualmente reside em Cuiabá, capital do estado, onde começou a praticar o wrestling em 2014. Depois de se destacar nos Jogos Escolares nacionalmente, onde conseguiu um vice-campeonato em 2016, Guilherme não parou mais e junto com o companheiro de treinos Igor Queiroz, colocaram o wrestling mato-grossense no cenário continental. Um crescimento veloz para uma Federação criada em 2013.

“Fiz Jiu-Jitsu, mas vi no wrestling a chance de representar o Brasil nos Jogos Olímpicos. Desde então venho me dedicando ao esporte. Primeiro competi nos Jogos Escolares e depois nas etapas da Juventude, onde recebi o convite do Flavio Cabral (coordenador de seleções da CBW) , para participar de um período de treinos do Rio. Como tinha parentes morando no Rio de Janeiro, pedi a meu pai para ir ao Rio de Janeiro e fiquei na casa de um primo”, revelou Guilherme, de apenas 15 anos.

Dando sequência ao trabalho realizado em Mato Grosso, Guilherme aproveitou o período de treinos no Rio de Janeiro. O atleta dividiu o tapete do ginásio do Centro de Educação Física Adalberto Nunes (CEFAN), da Marinha do Brasil, com integrantes da seleção sênior, entre eles Diego Romanelli e Ângelo Moreira, medalhista pan-americanos, entre outros atletas. Guilherme destacou a ajuda dos atletas mais experientes em sua passagem pela Cidade Maravilhosa, onde teve que ser contido para não exagerar nos treinos.

“Fui muito recebido pelos atletas das categorias de idade acima. Eles me ajudaram bastante. Treinava no CEFAN, de manhã, à tarde e à noite pegava a barca para ir pra Niterói, onde treinava na Niterói Wrestling, queria muito evoluir e acabava treinando mais do que o recomendado. Mas voltei para o Mato Grosso com muita dicas, aprendizados e a certeza que evoluí”, contou Guilherme.

Guilherme provou realmente ter aprendido os ensinamentos. O atleta foi campeão e eleito o melhor atleta do Pan-americano escolar 2017, realizado também em Santiago, capital chilena. Depois da final, Guilherme repetiu o tradicional gesto de pegar a bandeira e comemorar correndo em volta do tapete. No entanto, o lutador está ciente de que apenas mais um degrau foi colocado na construção de sua ainda jovem carreira. Com o objetivo de chegar aos Jogos Olímpicos da Juventude em Buenos Aires 2018, o grequista quer provar em uma nova categoria etária que, pode manter o alto nível e seguir no pódio mesmo contra atletas experientes.

“Quero levar essa medalha para o Brasil e para o Mato Grosso. Vou enfrentar atletas com mais experiência, mas confio nos meus treinadores e vou dar o melhor no tapete de lutas. Quero que o wrestling ganhe cada vez mais praticantes e se torne o esporte número um do Mato Grosso. Agradeço ao apoio de todos, principalmente dos meus pais e dos professores Chiquinho e Chicão, sei que não vai ter luta fácil, mas vamos em busca de mais um título”, frisou Guilherme.

O mato-grossense Guilherme Porto luta na categoria até 58kg, dia 6, sexta-feira, a partir das 16h.

Redes Sociais

  • Aline Silva do de malha com identificao azul JogosSulamericanos2018 TimeBrasil
  • O Wrestling Feminino faturou 4 medalhas! Giullia Penalber foi a
  • Segundo Lugar por Equipes Wrestling Feminino WrestlingFeminino JogosSulamericanos2018 TimeBrasil BrasilWrestling
  • A Confederao Brasileira de Wrestling ao lado das demais Confederaes
  • Os principais atletas de 18 a 20 anos das Amricas
  • Joilson conquista tricampeonato e Brasil ganha quatro medalhas no primeiro

Newsletter

Cadastre-se e receba nossas novidades: