GR 97KG - Igor Fernando ALVES DE QUEIROZ (BRA)

Igor Queiroz conquista melhor resultado masculino em Mundiais do wrestling brasileiro

O wrestling brasileiro alcançou resultado histórico no Campeonato Mundial Sub-23 de Wrestling 2022, disputado em Pontevedra, na Espanha. Igor Queiroz conquistou a medalha de bronze na categoria 97kg do estilo greco-romano. O resultado do lutador é a maior conquista do estilo greco-romano da história do wrestling nacional em Mundiais entre todas as categorias etárias do Sub-17 ao Sênior (adulto).

“É um resultado histórico e importante para todos que praticam wrestling no Brasil. Fiz cinco lutas em dois dias de torneio e uma delas contra o 5º colocado dos últimos Jogos Olímpicos. Vamos continuar o trabalho para trazer a medalha no próximo Mundial, superar essa marca e voltar com a medalha de ouro”, projetou Igor, 21 anos, em seu primeiro ano na categoria sênior (adulta).

Igor seguiu direto dos Jogos Sul-Americanos do Paraguai, onde conquistou a medalha de prata no dia 13 de outubro, para a Espanha, sede do Mundial Sub-23. Na terça-feira (18/10), Igor venceu três lutadores. Nas eliminatórias, o brasileiro fez 7 a 2 sobre o holandês Tyrone Stekenburg. Na luta seguinte, já pelas oitavas, Igor fez 3 a 1 sobre Apostolos Tsiovolos e nas quartas 5 a 3 de virada sobre o ucraniano Valentyn Shkliarenko. Na semifinal, Igor não conseguiu passar pelo 5º colocado nos Jogos Olímpicos de Tóquio, o húngaro Alex Szoke (0 a 3), e seguiu para disputa do bronze.

Nesta quarta-feira, Igor voltou ao tapete para lutar pela medalha de bronze contra o indiano Nitesh Nitesh. O oponente venceu por 8 a 0 e Igor encerrou o torneio em 5º lugar. Meiriele Hora, outra representante nacional no torneio, não avançou na categoria 68kg do estilo livre feminino. A brasileira foi eliminada na estreia pela sueca Tinda Sjoeberg por encostamento nas eliminatórias.

O wrestling é dividido em três estilos: greco-romano, livre masculino e livre feminino. O melhor resultado obtido em Mundiais é de Aline Silva, vice-campeã mundial Sub-20 em 2006 e vice-campeã mundial sênior (adulta) em 2014. O estilo livre masculino ainda busca sua primeira conquista mundial.

“Este ano pude competir bastante com apoio da CBW, do Projeto Conexão Santiago e da Marinha do Brasil. Conquistei medalhas no Pan-Americano de Wrestling, nos Jogos Sul-Americanos e também disputei os Campeonatos Mundiais Sênior e agora no Mundial Sub-23. Quanto mais competirmos e treinarmos contra os melhores vamos evoluir”, concluiu Igor, que foi comando pelo técnico da CBW, Angel Torres.

Aline Silva é dona do melhor resultado entre homens e mulheres

O wrestling é dividido em três estilos: greco-romano, livre masculino e livre feminino. O melhor resultado obtido em Mundiais é de Aline Silva, vice-campeã mundial Sub-20 em 2006 e vice-campeã mundial sênior (adulta) em 2014. O estilo livre masculino ainda busca sua primeira conquista mundial.

Redes Sociais

Newsletter

Cadastre-se e receba nossas novidades: