Ronisson Brandão é um dos líderes do ranking da CBW (UWW)

Wrestling brasileiro disputa Campeonato Mundial Sênior 2022 na Sérvia

As principais potências do wrestling se reúnem de 10 a 18 de setembro em Belgrado, Sérvia, para disputa do Campeonato Mundial Sênior de Wrestling 2022. A equipe brasileira vai contar com 11 lutadores divididos nos três estilos que estarão nos Jogos Olímpicos de Paris 2024 da modalidade: estilo greco-romano, estilo livre feminino e estilo livre masculino. No estilo greco-romano competem: Marat Garipov, categoria 60kg, Kenedy Pedrosa 67kg, Joilson Júnior 77kg, Ronisson Brandão 87kg, Igor Queiroz 97kg e Eduard Soghomonyan 130kg. No estilo livre feminino lutam: Kamila Barbosa 50kg,  Giullia Penalber, da categoria 57kg e Laís Nunes, da divisão 62kg, ambas cabeças de chave no torneio, e Grabriela Rocha 68kg. Cesar Alvan, estilo livre masculino 74kg encerra a participação nacional no Mundial.

“Temos uma equipe com 11 atletas em pesos que estarão presentes nos Jogos Olímpicos de Paris 2022. Tivemos bons resultados no Pan-Americano e títulos em torneios internacionais esse ano. Aliado a isso, parte da equipe treinou desde o dia 1º até o início da competição no Campo de Treinamento Internacional promovido pela Federação Internacional, o que nos deixa otimistas de um grande resultado no Mundial”, explicou Flavio Cabral Neves, presidente da Confederação Brasileira de Wrestling e chefe de equipe nacional na Sérvia.

A delegação nacional comandada pelos treinadores Angel Torres e Nisdany Perez treinou desde o dia 1º de setembro no país sérvio para aclimatação e esteve em contato com atletas de mais 30 países diferentes durante a preparação promovida pela United World Wrestling, entidade máxima da modalidade. O torneio volta a receber a elite do wrestling mundial depois do auge da pandemia causada pelo coronavírus. A equipe chinesa que não luta o Mundial desde 2019 retorna ao torneio e nomes como o do armênio, Artur Aleksanyan, campeão olímpico, voltam a competir depois dos Jogos Olímpicos de Tóquio. As eliminatórias serão disputadas em um dia e as finais no dia seguinte. Os lutadores vão precisar bater o peso em dois dias.
Confira a programação da equipe nacional no Campeonato Mundial Sênior 2022 no horário de Brasília.

Joilson Júnior 77kg – estilo greco-romano e Ronisson Brandão 87kg – estilo greco-romano
Eliminatórias 10/9 –  5h30 à 9h30 e semifinais de 13h à 14h30 
Repescagem 11/9 – 5h à 9h30 e disputas de medalhas 13h a 16h

Kenedy Pedrosa 67kg – estilo greco-romano e Igor Queiroz 97kg – estilo greco-romano
Eliminatórias 11/9 –  5h30 à 9h30 e semifinais de 13h45 à 14h45 
Repescagem 12/9 – 5h à 9h30 e disputas de medalhas 13h a 16h

Marat Garipov 60kg – estilo greco-romano, Eduard Soghomonyan 130kg – estilo greco-romano 
e Laís Nunes 62kg – estilo livre feminino

Eliminatórias 12/9 –  5h30 à 9h30 e semifinais de 13h45 à 14h45 
Repescagem 13/9 – 5h30 à 9h30 e disputas de medalhas 13h à 16h

Kamila Barbosa 50kg – estilo livre feminino
Eliminatórias 13/9 –  5h30 à 9h30 e semifinais de 13h45 à 14h45 
Repescagem 14/9 – 5h30 à 9h30 e disputas de medalhas 13h a 16h

Giullia Penalber 57kg – estilo livre feminino e Grabriela Rocha 68kg – estilo livre feminino  
Eliminatórias 14/9 –  5h30 à 9h30 e semifinais de 13h45 à 14h45 
Repescagem 15/9 – 5h30 à 9h30 e disputas de medalhas 13h à 16h

Cesar Alvan 74kg – estilo livre masculino
Eliminatórias 16/9 –  5h30 à 9h30 e semifinais de 12h à 12h45 
Repescagem 17/9 – 5h30 à 9h30 e disputas de medalhas 13h a 15h30

Chefe de Equipe – Flavio Cabral Neves
Treinadores CBW – Angel Torres e Nisdany Perez 

Fisioterapeuta – Diego Lima 
Árbitro – Eduardo Gonçalves 

Redes Sociais

Newsletter

Cadastre-se e receba nossas novidades: