Wrestling conquista 4 medalhas em 6 possíveis no 1º dia dos Jogos Sul-Americanos 2022

O wrestling brasileiro estreou com 4 pódios nos Jogos Sul-Americanos de Assunção 2022 nesta quarta-feira, na Arena montada na Secretaria Municipal de Esportes da capital paraguaia. Kenedy Pedrosa 67kg, Joilson Júnior 77kg e Igor Queiroz 97kg conquistaram a prata em suas respectivas categorias de peso. Ronisson Brandão completou o pódio dos grequistas na categoria 87kg. Marcos Silva da categoria 130kg terminou em 4º lugar e Erivan Rocha fechou em sétimo lugar na categoria 60kg.

Nesta quinta-feira, Gracyenne Helena 53kg, Giullia Penalber 57kg, Laís Nunes 62kg, Thamires Machado 68kg e Ruthy Hellen dos Santos 76kg vão em busca de medalhas no estilo livre feminino. As eliminatórias começam às 10h, horário de Brasília. As finais estão previstas paras 17h, mas podem ser alteradas pela organização. Na sexta-feira, Cesar Alvan 74kg do estilo livre masculino, Giovanni Piazza 86kg e Guilherme Pradella 125 encerram a participação nacional no torneio.

Confira como foi o desempenho de cada atleta nacional no primeiro dia dos Jogos Sul-Americanos:

Kenedy Pedrosa prata na categoria 67kg

O amazonense Kenedy Pedrosa fez sua estreia nos Jogos Sul-Americanos com medalha. O lutador venceu na estreia o chileno Cristobal Nunes por 3 a 1 e avançou para semifinal contra o argentino Maurício Lovera. O brasileiro voltou a dominar a luta, venceu por 6 a 3 e garantiu vaga na final. Na disputa da medalha de ouro, Kenedy foi batido por 8 a 0 pelo colombiano Julian Acevedo e ficou com a medalha de prata. Os bronzes ficaram com o venezuelano Shalon Requena e com o chileno Nunez.

Joilson Júnior prata na categoria 77kg

Campeão da categoria 67kg nos Jogos de Cochabamba 2018, Joilson Júnior subiu de categoria para este ciclo olímpico e estreou na categoria 77kg. A divisão de peso foi disputada no sistema todo contra todos. Na primeira a luta, o brasileiro abriu 3 a 0, sofreu o empate, mas a poucos segundos do fim conseguiu passar para as costas do oponente e vencer por 6 a 3. Na segunda rodada, Joilson foi batido por touche pelo colombiano Jair Alexis Muñoz, depois de ficar por baixo em uma tentativa de roulé mal sucedida. Na terceira rodada Joilson fez 7 a 0 sobre o paraguaio Haymin Hosseine e na quarta luta bateu o peruano Carlos Castro por 8 a 0 para ficar com a medalha de prata. Munõz com a medalha de ouro e Wuilexis com a medalha de bronze completaram o pódio.

Igor Queiroz prata na categoria 97kg

Campeão dos Jogos Pan-Americanos Júnior 2021, Igor Queiroz disputou seu primeiro Jogos Sul-Americanos como sênior (adulto). A categoria foi disputada no sistema todos contra todos. Igor venceu seus dois primeiros combates. Na estreia, o lutador nacional venceu por superioridade técnica, 9 a 1, o colombiano Haner Ramirez. Na segunda rodada, Igor Queiroz fez 4 a 1 sobre o paraguaio Luis Cabrera. Na última luta, Igor enfrentou venezuelano Luillys Mora, foi batido por 8 a 0 e terminou com a medalha de prata na categoria. O bronze ficou com o colombiano Haner Ramirez.

Ronisson Brandão bronze na categoria 87kg

Medalhista de bronze na categoria nos Jogos Sul-Americanos 2014 no Chile, Ronisson retornou para disputar a principal competição do continente e oito anos depois voltou ao pódio. A divisão aconteceu no sistema todos contra todos. Ronisson estreou com um revés diante do venezuelano Luis Avedaño por 8 a 0. Na segunda rodada, o paulista se recuperou e depois de uma batalha contra o colombiano Carlos Jaramillo, saiu vitorioso por 4 a 3. Na terceiro rodada, Ronisson bateu o paraguaio Rene Flor por 9 a 0. Na última luta da categoria Ronisson foi batido por 3 a 2 pelo peruano Pool Greifo e ficou com a medalha de bronze.

Marcos Silva 130kg e Erivan Rocha 60kg ficam fora da disputa por medalhas

Dois estreantes não avançaram em suas chaves. Erivan Rocha da categoria 60kg caiu no Grupo A da categoria e precisava terminar entre os dois primeiros para avançar para semifinal. O brasileiro foi superado pelo peruano Joao Rochabrun, 11 a 0 ; depois pelo venezuelano Raner Orozco, 8 a 0 e pelo colombiano Ditcher Castañeda, 8 a 0. Erivan terminou em 7º lugar.

Na categoria 130kg, Marcos Silva também fez sua estreia. A categoria foi disputada no sistema todos contra todos. Marcos fez uso do volteio nos dois primeiros combates, mas foi batido nos dois primeiros confrontos. Primeiro Marcos foi batido por 10 a 4 pelo venezuelano Brayan Gonzalez. Na segunda luta, o panamenho Rodolfo Marín fez 14 a 4. Na terceira, contra o medalhista mundial Yasmani Acosta, cubano naturalizado chileno, Marcos sofreu 8 a 0. Na luta de despedida, o brasileiro fez 8 a 0 sobre o paraguaio Pedro Campos para ficar com o 4º lugar. Yasmani ficou com a medalha de ouro, Brayan Gonzalez com a medalha de prata e Rodolfo Marin com a medalha de bronze.

Redes Sociais

Newsletter

Cadastre-se e receba nossas novidades: